segunda-feira, 16 de julho de 2012

Nós e o tempo...

Com o tempo a gente aprende a chorar baixinho, a sair de fininho, fingir que é feliz.
Com o tempo a gente aprende a guardar a nossa dor no bolso o oferecer o nosso colo.
Com o tempo a gente se acostuma a tomar decisões sérias.
Com o tempo a gente aprende a separar o que é importante do que é supérfluo.
Com o tempo a gente aprende a interpretar os sinais da vida... e isso dá muito medo!
Com o tempo a gente vê que os ignorantes são mais felizes.
Com o tempo a gente vê que nem tudo que se quer se conquista, e que as coisas são como são.
Com o tempo se aprende o valor de um beijo, em abraço e, ao mesmo tempo em que se anseia por carinho, escolhe-se mais para onde vamos destinar o nosso amor.
O tempo nos mostra que a solidão pode ser uma companheira e uma ameaça; nos mostra que não somos donos da nossa vida, mas que temos responsabilidade com tudo o que acontece e por tudo que buscamos.
O tempo nos mostra que às vezes é melhor viver do que pensar.
Nos mostra que amar é querer o bem.
Nos mostra que nem tudo podemos resolver sozinhos e que às vezes, é preciso pedir ajuda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário